Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

covid-19

Grávida de 33 semanas, não vacinada, ligada à ECMO no Hospital S. João

08 jan, 2022 - 16:19 • Lusa

A mulher, de 35 anos, chegou oriunda do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa e encontra-se "estável", tendo a fonte do hospital frisado ainda que o bebé "se encontra bem".

A+ / A-

Veja também:


Uma grávida de 33 semanas, com Covid-19 e não vacinada, está desde sexta-feira no Hospital São João ligada à ECMO, um dispositivo de circulação extracorporal essencial ao tratamento de doentes críticos, disse à Lusa fonte da unidade hospitalar.

A mulher, de 35 anos, chegou oriunda do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa e encontra-se "estável", tendo a fonte do hospital frisado ainda que o bebé "se encontra bem".

Desde o início da pandemia, prosseguiu a fonte, o Hospital São João contabilizou "três grávidas com Covid-19 em ECMO", assinalando que as duas primeiras "foram salvas e que apenas um dos bebés não sobreviveu".

A fonte acrescenta que o maior hospital da zona Norte teve também, neste período, "cinco grávidas não Covid-19 ligadas à ECMO".

Portugal regista sábado mais 20 mortes por Covid-19 e 35.643 novos casos, indica o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

O número de pessoas internadas continua a aumentar. Nos hospitais portugueses há agora 1.388 doentes com Covid, mais 35 pacientes em relação ao dia anterior.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+