Tempo
|
A+ / A-

Pandemia

Covid-19. Já foram realizados 48 mil pedidos de agendamento para vacinação de crianças

15 dez, 2021 - 20:15 • Redação

Gabinete de Marta Temido indica que “foram realizados, até às 19h30 de hoje, cerca de 48.000 pedidos online para a vacinação contra a COVID-19 para o próximo fim de semana, dias 18 e 19 de dezembro”.

A+ / A-

Veja também:


Pelo menos 48 mil crianças já têm agendada a toma da vacina contra a Covid-19 no fim de semana de 18 e 19 de dezembro, segundo avança o Ministério da Saúde.

Em comunicado, o gabinete de Marta Temido indica que “foram realizados, até às 19h30 de hoje, cerca de 48.000 pedidos online para a vacinação contra a COVID-19 para o próximo fim de semana, dias 18 e 19 de dezembro”.

A opção está disponível desde segunda-feira no Portal de Agendamento para vacinação.

O Ministério da Saúde acrescenta que, desde a manhã desta quarta-feira, já está, também, disponível “a solicitação do agendamento da vacinação para utentes com idade de 9 anos, permitindo assim que os utentes de 9 a 11 anos possam escolher o local e a data mais convenientes, de acordo com a disponibilidade e a capacidade instalada dos postos de vacinação existentes”.

Calendário de vacinação

  • No fim de semana 18 e 19 de dezembro serão vacinadas as crianças de 11 e 10 anos, podendo também ser vacinas algumas de nove.
  • A 6, 7, 8 e 9 de janeiro serão vacinadas as crianças entre os 9 e 7 anos.
  • A 15 e 16 de janeiro os meninos e meninas entre os 6 e 7 anos de idade.
  • A 22 e 23 e janeiro as crianças com 5 anos.
  • Entre 5 de fevereiro e 13 de março serão administradas as segundas doses da vacina para a Covid-19, sendo que o período recomendado entre primeira e segunda dose desta vacina pediátrica é de seis a oito semanas.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+