Tempo
|
A+ / A-

Maternidades da Grande Lisboa com dificuldades de resposta na noite de domingo

12 dez, 2021 - 22:34 • Celso Paiva Sol

ARS de Lisboa e Vale do Tejo garante que ninguém fica por atender, apesar das dificuldades.

A+ / A-

As maternidades da Região da Grande Lisboa estão este domingo a ter sérias dificuldades em responder às solicitações.

A Renascença sabe que houve mesmo momentos em que a Central de Emergência CODU chegou a ter indicações para não enviar parturientes para nenhuma das maternidades desta zona do país.

Confrontada com estas informações, fonte autorizada da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo confirma os constrangimentos – que explica com um afluxo maior de pedidos de assistência feitos ao CODU.

A mesma fonte diz, no entanto, que o problema é intermitente nas várias maternidades e que, quando necessário, as parturientes são encaminhadas para outras unidades, que na altura não tenham o serviço lotado.

A ARS de Lisboa e Vale do Tejo garante que ninguém ficou por atender, apesar das dificuldades, até agora.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+