Tempo
|
A+ / A-

Torres Vedras. Agente imobiliária violada por falso cliente

15 set, 2021 - 11:33 • Lusa

Crimes foram praticados na segunda-feira e foram "executados de forma extremamente violenta e com recurso a arma branca".

A+ / A-

Um homem de 25 anos foi detido por suspeitas de violação e tentativa de homicídio na zona de Torres Vedras. O agressor simulou interesse na compra de uma casa para agredir uma mulher de 33 anos.

De acordo com um comunicado da PJ, os crimes foram praticados na segunda-feira e foram "executados de forma extremamente violenta e com recurso a arma branca".

No comunicado a PJ explica que os atos ocorreram na sequência de uma visita a um imóvel, cuja venda a vítima intermediava: "Simulando interesse na aquisição desse imóvel e após duas visitas anteriores, nos dias 9 e 12 de setembro, o abusador sexual atacou a vítima e aproveitou-se da circunstância de estar sozinho com ela, usando de extrema violência física e produzindo-lhe múltiplas e graves lesões, através do uso de uma navalha."

O homem foi identificado e detido através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, fora de flagrante delito, por existirem fortes indícios da prática de um crime de violação, de um crime de homicídio na forma tentada e de um crime de detenção de arma proibida.

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial, para aplicação de medidas de coação julgadas adequadas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+