Tempo
|
A+ / A-

Chuva forte motiva aviso amarelo para todo o continente

14 set, 2021 - 07:16 • Redação com Lusa

A proteção civil já contabilizou mais de 430 ocorrências, desde ontem entre quedas de arvores e de estruturas, principalmente nos distritos de Coimbra, Castelo Branco e Leiria.

A+ / A-

Todos os distritos de Portugal continental estão sob aviso amarelo esta terça e quarta-feira, devido à previsão de aguaceiros, por vezes fortes, de granizo, acompanhados de rajadas de vento forte e trovoadas, segundo o IPMA.

O aviso amarelo para os 18 distritos do continente vai estar em vigor até às 12h00 de quarta-feira.

O mau tempo, porém, já chegou. A proteção civil já contabilizou mais de 430 ocorrências, desde ontem entre quedas de arvores e de estruturas, principalmente nos distritos de Coimbra, Castelo Branco e Leiria.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o aviso amarelo é emitido sempre que há risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

O IPMA prevê "muita instabilidade" até quinta-feira, com "precipitações localmente fortes", particularmente em Leiria, Lisboa e Setúbal.

De acordo com o IPMA, "são expectáveis precipitações localmente fortes, com impactos significativos, em particular em meios urbanos, onde há risco de cheias rápidas, e na circulação rodoviária".

Esta situação ocorre "devido à aproximação de uma depressão a Portugal continental com expressão em altitude, à qual estão associadas massas de ar tropicais, instáveis e com elevados conteúdos em vapor de água".

O IPMA prevê para hoje no continente céu geralmente muito nublado, aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada, granizo e rajadas de vento forte, diminuindo de frequência a partir do final da tarde.

A previsão aponta ainda para vento fraco a moderado do quadrante sul, soprando moderado a forte nas terras altas do centro e sul, em especial durante a tarde, e descida da temperatura máxima.

As temperaturas mínimas vão oscilar entre os 13 graus Celsius (na Guarda) e os 19 (em Aveiro) e as máximas entre os 21 (em Bragança e Portalegre) e os 26 (em Aveiro).

[Notícia atualizada às 08h51]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+