Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Ensino superior. Alunos podem alterar candidatura até quinta-feira

07 set, 2021 - 10:35 • Fátima Casanova

Os resultados do concurso nacional de acesso são conhecidos a 27 de setembro.

A+ / A-

É uma situação inédita que acontece porque o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior abriu mais 3.080 vagas no concurso para o ensino superior. Um aumento para responder ao número recorde de candidatos na primeira fase do concurso nacional de acesso.

Face à grande procura por um lugar no ensino superior - foram contabilizadas 63. 878 candidaturas - o ministério tutelado por Manuel Heitor respondeu com mais vagas - totalizam agora 56. 043. Este reforço abre portas a alterações na candidatura.

Uma medida que para o presidente da associação Juvenil Inspiring Future “não é negativa”, mas Eduardo Filho duvida que venha a ter “grande relevância”. Após ter questionado vários candidatos foram “poucos os que pretendem fazer as alterações” e diz acreditar estar relacionado “com a lógica que deve ser utilizada para a realização da candidatura, que não é pelo número de vagas disponíveis, mas pela preferência dos jovens e pelas suas ambições”.

Segundo presidente da Inspiring Future, “não é por haver mais 15 vagas num determinado curso, que os jovens vão alterar as suas preferências”.

Ainda assim, admite que “os alunos mais indecisos, que já no prazo normal alteraram a sua candidatura umas 10 vezes, tenham agora mais três dias para poderem voltar a fazer”.

Alterar para garantir entrada no curso preferido

João Pedro Trocado, de 17 anos, não quer perder a oportunidade de alterar a sua candidatura. Este estudante, de Portimão, terminou o ensino secundário na Escola Poeta António Aleixo com 18,7 valores de média.

Agora com mais dez vagas, João Pedro acredita que tem possibilidades de ficar no curso da sua preferência: engenharia informática e de computadores no Instituto Superior Técnico, da Universidade de Lisboa.

Este estudante diz que esta medida dá “alguma confiança e segurança” e decidiu, por isso, “fazer uma candidatura mais arriscada, colocando as opções por ordem de preferência”, sendo “esse o meu único fator decisor”.

João Pedro deixa cair a última opção onde tinha a certeza que entrava face à média do último aluno colocado. Agora, aposta tudo no IST: como primeira opção coloca o polo de Lisboa seguido do polo no Taguspark.

As instituições que beneficiaram mais do aumento de vagas são as Universidades do Porto, Lisboa, Algarve e Aveiro e ainda o Instituto Politécnico do Porto.

Os resultados do concurso nacional de acesso ao ensino superior vão ser conhecidos no dia 27 de setembro.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+