Tempo
|
A+ / A-

Quatro arguidos por fogo em Alcácer do Sal

22 jul, 2021 - 12:41 • Lusa

Incêndio "teve origem numa fogueira", indica a GNR.

A+ / A-

Dois homens e duas mulheres, com idades entre os 23 e os 38 anos, foram constituídos arguidos por suspeitas da autoria de um incêndio florestal em Alcácer do Sal, distrito de Setúbal, anunciou hoje a GNR.

Em comunicado, o Comando Territorial de Setúbal da GNR indicou que o incêndio, ocorrido na quarta-feira, junto à barragem do Pego do Altar, "teve origem numa fogueira", tendo as chamas se propagado para "a vegetação contígua".

"No local foi possível identificar os autores do incêndio, os quais foram constituídos arguidos", adiantou.

Os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Setúbal.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+