Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Tem vacinação completa há 14 dias? Pode sair ou entrar na Área Metropolitana de Lisboa

25 jun, 2021 - 18:57 • Redação

Governo faz esclarecimento em relação às exceções para a cerca sanitária aos fins de semana.

A+ / A-

Veja também:


Só quem tem vacinação completa para a Covid-19 há mais de 14 dias é que poderá apresentar o certificado digital para entrar ou sair da Área Metropolitana de Lisboa (AML) ao fim de semana.

O esclarecimento foi avançado esta sexta-feira à Renascença pelos ministérios da Saúde e da Presidência.

O Governo refere que o certificado de vacinação com apenas uma dose ou plano vacinal completo há menos de duas semanas não é válido para contornar as restrições.

Além do certificado de vacinação, também a apresentação de teste negativo à Covid-19 permite sair ou entrar na Área Metropolitana de Lisboa, sendo que não autotestes não são válidos.

A nova cerca entrou em vigor às 15h00 desta sexta-feira e vai estar em vigor até às 06h00 da manhã de segunda-feira.

A PSP anunciou que vai reforçar a fiscalização a partir desta sexta-feira na Área Metropolitana de Lisboa (AML), incidindo as ações sobretudo no controlo junto das pessoas que viagem de comboio, autocarro e avião.

"Vamos direcionar ações para as pessoas que se pretendem movimentar para fora da AML, tanto em transporte individual, como transporte coletivo de passageiros, seja aeronáutico, ferroviário e rodoviário", disse à agência Lusa o porta-voz do Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP, comissário Artur Serafim.

O porta-voz do Cometlis precisou que o controlo policial vai incidir essencialmente junto das pessoas que pretendam entrar ou sair da AML de comboio, autocarro e também através do aeroporto, ressalvando que não estão abrangidos nesta fiscalização os turistas.

Artur Serafim afirmou que a PSP vai controlar a documentação que ateste que a pessoa pode deslocar-se, nomeadamente verificar se tem o certificado digital ou o comprovativo do teste de diagnóstico à Covid-19 negativo.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+