Tempo
|
A+ / A-

Portugal disposto a enviar formadores para o Iraque

20 mai, 2016 - 12:54

Ministro afirma que a NATO e a UE devem também estar preparadas para apoiar a Líbia caso as autoridades locais o solicitem.

A+ / A-

O ministro dos Negócios Estrangeiros informou esta sexta-feira, em Bruxelas, que Portugal vai apoiar a eventual decisão da NATO de aumentar as capacidades de formação no Iraque, onde estão 32 militares portugueses em serviço.

Portugal “exprimiu a sua disponibilidade para apoiar um novo passo, se a NATO entender fazê-lo, na cimeira de Varsóvia”, que passa por aumentar as capacidades de formação no interior do país, “mais uma vez a pedido das autoridades iraquianas”, afirmou Augusto Santos Silva.

A cimeira de Varsóvia da NATO vai decorrer entre 8 e 9 de Julho, com a presença do primeiro-ministro, António Costa.

No segundo e último dia de reunião dos chefes da diplomacia na sede da NATO, o ministro referiu ainda que Aliança Atlântica e União Europeia (UE) devem estar preparadas para apoiarem a Líbia, nomeadamente na formação de forças de segurança, “se e quando” as autoridades locais o solicitarem.

“Neste momento, [a Líbia] tem um Governo de unidade nacional e, portanto, a fórmula que nós usamos e que os portugueses conhecem bem, é: se e quando as autoridades líbias pedirem apoio internacional, designadamente para a capacitação e para a formação dos seus elementos de segurança e de defesa, quer a NATO, quer a União Europeia devem estar em condições para providenciar esse apoio”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+