Tempo
|
A+ / A-

Ciberataques. Fuga de dados atinge mais de 2,2 milhões de utilizadores do Whatsapp em Portugal

30 nov, 2022 - 17:15 • Hugo Monteiro com Redação

À escala global, o ataque à Meta terá permitido a fuga de 360 milhões de números de telefone de utilizadores do Whatsapp de mais de uma centena de países.

A+ / A-

Mais de 2, 2 milhões de registos de utilizadores do Whatsapp em Portugal terão sido encontrados à venda na "darknet".

No plano global, ataques informáticos à rede social da empresa Meta terão permitido a fuga de 360 milhões de números de telefone de utilizadores do Whatsapp de mais de uma centena de países.

A conclusão é dos investigadores da Check Point Research, uma empresa internacional dedicada à análise de ciber-ameaças e fornecedora de soluções de cibersegurança.

Em comunicado, a empresa explica que na base das conclusões está uma análise aos dados de utilizadores WhatsApp que se encontram à venda na Darknet. Nos últimos quatro dias, os ficheiros, que incluem códigos de marcação internacional e que foram postos à venda pela primeira vez, estão agora a ser distribuídos livremente entre os "hackers".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+