Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

ONU diz que uso da força para pôr fim aos protestos no Irão deve acabar

24 nov, 2022 - 09:55 • João Cunha

A repressão das autoridades iranianas aos protestos em todo o país pela morte de Mahsa Amini, enquanto estava sob custódia policial.

A+ / A-

O Alto-Comissário das Nações Unidas para os Direitos Humanos deixou, esta manhã, o apelo numa sessão especial do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, que decorre em Genebra, na Suíça. A violência contra os protestos deve terminar.

Volker Turk foi o primeiro a discursar na sessão especial dos Direitos Humanos das Nações Unidas, começando por descrever uma "plena crise de direitos humanos" no Irão.

Há "imagens de crianças mortas, de mulheres a serem espancadas na rua, de pessoas a serem condenadas à morte. Temos visto ondas de protesto nos últimos anos a pedir justiça, igualdade, dignidade e respeito pelos direitos humanos, que tiveram como resposta violência e repressão. O uso desnecessário e desproporcionado da força deve acabar", sublinhou o Alto-Comissário.

Referiu ainda que "nenhuma sociedade pode fossilizar e parar num único ponto no tempo". E fazer isso, "contra a vontade de seu povo, é inútil".

A repressão das autoridades iranianas aos protestos em todo o país pela morte de Mahsa Amini, de 22 anos, que morreu sob custódia policial após ser detida pela chamada polícia da moralidade iraniana, já terá provocado mais de 500 mortos em todo o país. Cerca de 14 mil pessoas foram detidos.


Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+