Tempo
|
A+ / A-

Emmys batem recorde negativo de audiência com 5,9 milhões de espetadores

14 set, 2022 - 08:15 • Lusa

As audiências estão em queda constante desde que os prémios começaram a ser dominados por programas de cabo e serviços de ‘streaming’.

A+ / A-

A 74ª edição dos prémios Emmy atingiu um novo recorde negativo de audiência na noite de segunda-feira, com cerca de 5,9 milhões de espetadores, menos 1,5 milhões do que os registados na cerimónia de 2021.

A Nielsen Media Research – que realiza análises de audiência – disse que o evento que premeia a melhor produção televisiva, onde “Ted Lasso” foi eleita melhor série de comédia e “Succession” melhor série dramática, ficou abaixo dos 7,4 milhões de espetadores do ano passado.

A maior quebra de espetadores dos Emmys, de 6,4 milhões, havia sido estabelecida em 2020, com a primeira cerimónia virtual da era Covid-19 na estação de televisão ABC.

As audiências dos Emmys estão em queda constante desde que os prémios começaram a ser dominados por programas de cabo e serviços de ‘streaming’.

Com tanta oferta, há menos produções que atraem as grandes audiências do passado nos Estados Unidos, quando a televisão em sinal aberto dominava.

A última vez que os Emmys ultrapassaram os 10 milhões de espetadores foi em 2018, quando atingira uma audiência de 10,2 milhões.

Os Emmys tiveram 21,8 milhões de espetadores em 2000, um nível difícil de alcançar novamente.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+