Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Guerra na Ucrânia

Missão da AIEA a Zaporíjia já chegou à central nuclear

01 set, 2022 - 13:41 • Lusa

Confirmação surge horas depois de inspetores terem garantido que iam manter visita apesar dos bombardeamentos.

A+ / A-

A missão da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA) enviada para investigar a central nuclear ucraniana de Zaporíjia, controlada pelas tropas russas, já se encontra nas instalações, informou a agência nuclear ucraniana Energoatom esta quinta-feira, ao início da tarde em Lisboa.

"A missão da AIEA chegou à central de Zaporíjia", lê-se na mensagem publicada no Telegram.

O diretor-geral da AIEA, Rafael Grossi, tinha anunciado que a agência mantinha a agenda das visitas à central nuclear ocupada, a maior da Europa, apesar dos relatos de bombardeamentos nas proximidades esta manhã.

Rafael Grossi confirmou ontem, antes de partir de Kiev em direção a Zaporíjia, que a missão tenciona passar vários dias na central e que a organização também pretende criar uma representação permanente nas instalações.

A central nuclear, ocupada pelas tropas russas poucos dias depois do inicio, a 24 de fevereiro, da invasão de territórios ucranianos, tem sido alvo de ataques frequentes nas últimas semanas, de que as forças ucranianas e russas se acusam mutuamente, aumentando os receios de fugas de material nuclear.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+