Tempo
|
A+ / A-

Explosões em base aérea russa na Crimeia

09 ago, 2022 - 18:12 • Lusa

As autoridades ainda não divulgaram quaisquer motivos para os rebentamentos.

A+ / A-

Várias explosões ocorreram esta terça-feira perto de um aeródromo militar russo na Crimeia, anunciaram as autoridades da península ucraniana anexada pela Rússia em 2014.

"Posso confirmar que várias explosões ocorreram perto de Novofedorivka", onde se encontra uma base militar russa e um aeródromo, escreveu Oleg Kryuchkov na rede social Telegram, citado pela agência francesa AFP.

O exército russo disse que várias munições explodiram no aeródromo, sem causar vítimas, segundo a AFP.

Num vídeo da zona afetada, divulgado pela agência oficial russa TASS, é possível ver explosões e colunas de fumo de grande dimensão.

"Várias munições destinadas à aviação explodiram num depósito no território do aeródromo militar de Saki, perto da cidade de Novofedorivka", disse o exército numa declaração citada por agências noticiosas russas.

"Ninguém ficou ferido", acrescentou o exército russo, referindo que o depósito de munições não foi alvo de bombardeamentos.

A agência oficial russa TASS noticiou que várias ambulâncias foram enviadas para o local das explosões, citando informações do Ministério da Saúde da região.

O chefe da região da Crimeia, Serguei Aksyonov, escreveu no Telegram que tinha partido para o local e que os motivos das explosões estavam a ser investigados.

"O nosso aeródromo está a explodir. Explosões no aeródromo. Aqui, todas as janelas estão partidas", disse a vice-chefe regional, Viktoria Kazmirov, também nas redes sociais.

A TASS disse que o aeródromo perto de Novofedorivka é usado como uma base militar do Ministério da Defesa da Rússia, onde estão aviões e helicópteros, bem como a aviação naval.

As autoridades ainda não divulgaram quaisquer motivos para as explosões.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+