Tempo
|
A+ / A-

Governo lamenta morte de José Eduardo dos Santos e recorda “caminho de crescimento e consolidação”

08 jul, 2022 - 19:30

O antigo Presidente de Angola morreu, esta sexta-feira, aos 79 anos, numa clínica em Barcelona, Espanha, após semanas de internamento.

A+ / A-

O Governo português “lamenta a morte” do antigo Presidente da República de Angola, José Eduardo dos Santos.

O Executivo liderado por António Costa “apresenta condolências à família e à Nação angolana neste momento de luto nacional”.

Portugal lembra que “durante a sua presidência, Angola trilhou um caminho de crescimento e consolidação, incluindo no panorama internacional e no espaço lusófono”.

Também “se continuaram a fortalecer os laços entre Portugal e Angola”.

O antigo Presidente de Angola morreu, esta sexta-feira, aos 79 anos, numa clínica em Barcelona, Espanha, após semanas de internamento, anunciou a presidência angolana, que decretou cinco dias de luto nacional.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+