Tempo
|
A+ / A-

Novo caso no Texas. Jovem detido com espingardas no carro junto a escola

26 mai, 2022 - 08:17 • Olímpia Mairos com agências

Detenção ocorreu um dia depois de um jovem ter assassinado 19 crianças e duas professoras numa escola primária na cidade texana de Uvalde, um dos tiroteios mais mortíferos num estabelecimento de ensino nos Estados Unidos.

A+ / A-

Um estudante foi detido na quarta-feira nos arredores de Dallas, no estado norte-americano do Texas, por ir para a escola com duas espingardas semiautomáticas no seu automóvel, informou a polícia de Richardson.

A polícia esclareceu que recebeu uma chamada por telefone às 10h55, hora local (16h55, em Lisboa), alertando que um jovem estava a encaminhar-se com uma semiautomática para a escola secundária de Berkner.

Em comunicado, as autoridades policiais explicaram que o jovem foi encontrado dentro da escola desarmado, mas que no seu automóvel, estacionado junto ao estabelecimento de ensino, foram encontradas uma AK-47 e uma AR-15.

O estudante foi detido pelo crime estadual de porte de armas em área escolar.

A detenção ocorreu um dia depois de um jovem ter assassinado 19 crianças e duas professoras numa escola primária na cidade texana de Uvalde, um dos tiroteios mais mortíferos num estabelecimento de ensino nos Estados Unidos, desde o massacre de Sandy Hook, em 2012, em Connecticut, que matou 26 pessoas, incluindo 20 crianças entre os seis e os sete anos de idade.

Num discurso à nação, o Presidente norte-americano referiu-se ao tiroteio na escola do Texas como “outro massacre” e pediu alterações à legislação das armas.

Joe Biden apelou ao fim do “lobby” das armas. Lembrou ainda que “tiroteios em massa não acontecem em mais lugar nenhum do mundo com a frequência que acontecem na América”, pedindo que o país promova mudanças na legislação quanto ao uso e porte de armas.

Vários democratas pediram maior controlo sobre a compra de armas no país, enquanto as autoridades republicanas do Texas colocaram o foco nos problemas de saúde mental que, na sua opinião, estão na raiz do ataque.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Cidadao
    26 mai, 2022 Lisboa 16:03
    Vai para a Ucrânia e dispara sobre os Russos. Pelo menos és útil nalguma coisa

Destaques V+