Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

​Zelenskiy e o “quase” de Portugal. Embaixadora diz que Ucrânia espera “posição mais ativa”

25 mar, 2022 - 10:55 • Pedro Mesquita , Cristina Nascimento

Presidente ucraniano enviou uma mensagem de vídeo para o Conselho Europeu onde falou individualmente sobre o apoio de cada pais à entrada da Ucrânia na União Europeia. Embaixadora ucraniana em Lisboa diz que ucranianos "gostariam de ter uma posição mais forte do Partido Socialista".

A+ / A-

Veja também:


O que falta a Portugal é apoiar de forma clara, e sem ir a reboque dos outros, o estatuto da Ucrânia como candidato à adesão à União Europeia.

É deste modo que a embaixadora da Ucrânia em Portugal explica a declaração do presidente Zelenskiy perante o Conselho Europeu, que colocou Portugal num grupo de países europeus que têm sido mais relutantes em tomar decisões no apoio à Ucrânia.

“Estamos à espera de uma posição mais ativa do governo português nesta questão. Temos a informação que o Governo português está disposto a apoiar quando os outros países membros da União Europeia conseguirem o consenso, mas na nossa opinião, atualmente, seria melhor definir mais claramente a sua posição”, explicou a embaixadora Inna Ohnivets, em declarações à Renascença.

Inna Ohnivets diz, em particular, que os ucranianos "gostariam de ter uma posição mais forte do Partido Socialista" e um "apoio forte e claro" por parte do Governo.

Fonte próxima do Governo reafirma à Renascença a posição que o primeiro-ministro tem vindo a defender em declarações recentes, considerando que o mais importante neste momento é demonstrar união em torno de uma resposta imediata e concreta às necessidades ucranianas, lembrando que Portugal apoiou a criação de um Fundo de Solidariedade para prover às necessidades imediatas do Governo ucraniano e apoiar a reconstrução uma vez alcançada a paz.

A mesma fonte recorda que o processo de adesão à União Europeia leva tempo e que a Ucrânia precisa de uma solução urgente e concreta.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Digo
    25 mar, 2022 Eu 16:20
    Não conhece o Partido Socialista, para esperar palavras claras e uma posição firme e sem margem para dúvidas, por parte do PS. O PS é fundamentalmente retórica, e só passa a uma ação moderada, quando as circunstâncias a isso obrigam, e mesmo assim, sempre com mil e uma cautelas.

Destaques V+