Tempo
|
A+ / A-

Rússia inclui membro das Pussy Riot na lista de procurados

26 abr, 2022 - 23:53 • Lusa

Desde o início do ano, a membro das Pussy Riot foi detida várias vezes e já passou 90 dias em prisão administrativa.

A+ / A-

O Ministério do Interior da Rússia incluiu a membro da banda punk feminista russa Pussy Riot Maria Alyokhina na sua lista de pessoas procuradas, após a artista não ter comparecido na prisão para cumprir uma pena de 21 dias.

Nascida em 1988, Maria Alyokhina, que foi condenada na semana passada, surgiu na base dados de pessoas procuradas do Ministério do Interior, de acordo com a agência de notícias russa TASS.

Na última quinta-feira, um tribunal de Moscovo substituiu a sentença de um ano de prisão domiciliária -- imposta em setembro de 2021 por apelar a protestos contra as restrições sanitárias para conter a pandemia da covid-19 -- por uma condenação de 21 dias na cadeia.

Desde o início do ano, a membro das Pussy Riot foi detida várias vezes e já passou 90 dias em prisão administrativa.

Maria Alyokhina participou em manifestações de apoio ao líder da oposição russa Alexei Navalni, que ocorreram no início do ano passado e foram reprimidas pela polícia russa de forma violenta.

Segundo uma publicação no Telegram da organização de direitos humanos Apologia, a ativista violou os termos da sua prisão domiciliária em vários momentos, tendo em dois regressado a casa mais tarde do que o estabelecido e em 30 de março cortou a pulseira eletrónica.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+