Tempo
|
A+ / A-

Ucrânia acusa Rússia de usar armas químicas em Mariupol

11 abr, 2022 - 21:50 • Redação

A presidente da Comissão Parlamentar de Integração da Ucrânia à UE imputa a Moscovo o uso de "substânicas desconhecidas".

A+ / A-

A Ucrânia acusa a Rússia de usar uma "substância desconhecida" na cidade portuária de Mariupol. As alegações foram feitas pela presidente da Comissão Parlamentar de Integração da Ucrânia à UE, Ivanna Klympush.

Segundo a "Sky News", a responsável acrescentou que a Rússia "provavelmente" usou "armas químicas" no ataque e algumas vítimas estão a sofrendo "insuficiência respiratória".
Num tweet, Klympush reiterou os pedidos de um embargo de petróleo à Rússia como resposta ao ataque.

Durante a guerra na Ucrânia, oficiais de inteligência do Reino Unido e dos EUA alertaram para uma "séria preocupação" de que a Rússia possa usar armas químicas ou biológicas.

Embora tenha assinado a Convenção de Armas Químicas de 1997, que o proíbe de desenvolvê-las, usá-las ou armazená-las, a Rússia é conhecida por tê-las usado.
A Sky News não conseguiu verificar as alegações feitas por Ivanna Klympush.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+