Tempo
|
A+ / A-

Tensão Ucrânia/Rússia

Trump diz que, na sua administração, Putin "nunca faria o que está a fazer agora"

22 fev, 2022 - 21:09 • Redação

Donald Trump critica a atuação de Joe Biden na crise entre a Rússia e a Ucrânia e classifica as sanções a Moscovo como “fracas” e “insignificantes”.

A+ / A-

O ex-Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, diz que, na sua administração, Vladimir Putin não teria dado os passos que conduziram à tensão que se vive na Ucrânia.

"Putin não teria feito o que fez durante a administração Trump", diz o antecessor de Joe Biden num comunicado divulgado esta terça-feira.

Donald Trump criticou a atuação de Joe Biden na crise entre a Rússia e a Ucrânia. “Se fosse devidamente gerida, não havia razões para que esta situação que se está a passar na Ucrânia tivesse acontecido”, disse.

"Eu conheço Vladimir Putin muito bem, e ele nunca teria feito sob o Governo Trump o que ele está a fazer agora, de forma nenhuma!", acrescentou Trump, após o Presidente russo ter recebido hoje autorização do Senado para enviar tropas para duas áreas separatistas da Ucrânia.

“A Rússia tornou-se muito muito rica durante a administração Biden com o preço do petróleo a duplicar”, acrescentou Trump, caracterizando as sanções que Joe Biden anunciou como “fracas” e “insignificantes”.

“Este país está numa confusão”, concluiu.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+