Tempo
|
A+ / A-

​“Fazer concertos e conhecer fãs online é o futuro”, diz estrela pop Zara Larsson

04 nov, 2021 - 11:31 • Cristina Nascimento

Em maio de 2021, a cantora juntou milhões de pessoas na plataforma Roblox. Zara Larsson diz-se orgulhosa por ser das primeiras a trabalhar em ambiente metaverso.

A+ / A-

Será que os dias de estrada dos cantores para fazer concertos e promover o seu trabalho estão à beira do fim? A estrela pop sueca Zara Larsson, 23 anos, acha que sim. “Fazer concertos e conhecer fãs online é o futuro”, assegura.

Zara subiu ao Palco Central da Web Summit para partilhar o que pensa sobre experiência como a que teve em maio de 2021, quando fez vários espetáculos na plataforma Roblox, juntando quase quatro milhões de pessoas.

“É muito interativo”, explicou, acrescentando que “antigamente tínhamos de ir em tournée, de cidade em cidade, irmos às estações de rádio, promover o nosso trabalho. Agora fazemos o mesmo, sem sair da nossa sala de estar”.

A cantora garante sentir-se “muito orgulhosa de ser uma das primeiras a entrar neste mundo” que, diz, ainda vai desenvolver-se bastante.

“Isto é só início. Como artista, adoro ver a cara das pessoas, sentir a energia do público… Acho que vamos chegar a esse ponto”, arrisca.

Zara Larsson explica que, neste ambiente metaverso, é possível conviver com os fãs e descreve como os avatares de quem assiste aos concertos dela podem juntar-se a si tirar uma fotografia.

Larsson reconhece que a pandemia acelerou esta evolução, mas acredita que, com ou sem restrições Covid, esta nova forma de fazer espetáculo iria sempre acontecer.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+