Tempo
|
A+ / A-

Ambiente

Panda já não é espécie “em perigo” na China

07 jul, 2021 - 09:02 • Lusa

Há 1.800 exemplares distribuídos por seis áreas montanhosas do país.

A+ / A-

O número de pandas selvagens atingiu os 1.800 exemplares na China, pelo que deixou de ser uma espécie "em perigo" para se tornar "vulnerável".

Cui Shuhong, diretor do Departamento de Proteção Ecológica do Ministério da Ecologia e Meio Ambiente, explicou em conferência de imprensa que as "condições de vida de algumas espécies raras foram melhoradas", como os ursos panda ou os antílopes tibetanos.

O nível "vulnerável" é o quinto na escala de espécies ameaçadas de extinção.

O mesmo responsável também mencionou o aumento da população de outras espécies ameaçadas de extinção, como tigres e leopardos siberianos ou os íbis japoneses.

O Fundo Mundial para a Natureza ajustou já o estatuto de ameaça dos pandas, em 2016, para "vulnerável" e declarou que existem 1.864 espécimes no mundo.

O seu habitat natural está atualmente limitado, de acordo com aquela organização, a seis áreas montanhosas espalhadas pelas províncias chinesas de Sichuan, Shaanxi e Gansu.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+