Tempo
|
A+ / A-

Inquérito da ONU

Khashoggi foi "vítima de um homicídio brutal perpetrado por oficiais sauditas"

07 fev, 2019 - 17:16

É o que apurou a equipa de investigadores da ONU que está a conduzir um inquérito à morte do jornalista da Arábia Saudita no consulado do país em Istambul.

A+ / A-

A equipa de investigadores da ONU a cargo do inquérito à morte do jornalista Jamal Khashoggi concluiu que o dissidente saudita foi "vítima de um homicídio premeditado brutal", que foi "planeado e perpetrado por oficiais sauditas".

A informação foi avançada esta quinta-feira por Agnes Callamard, que chefia a equipa de investigação ao caso.

A equipa de três investigadores, um deles português, diz ter tido acesso a um registo áudio “horrível e arrepiante” que foi originalmente obtido pelos serviços secretos turcos, que abriram uma investigação ao assassinato do jornalista.

Khashoggi, crítico do regime saudita e colunista no jornal norte-americano "Washington Post", foi morto no consulado saudita em Istambul, na Turquia, em outubro de 2018.

A equipa da ONU já pediu para ir à Arábia Saudita dadas as “grandes preocupações” face à regularidade dos procedimentos efetuados pelas autoridades de Riade em relação ao julgamento dos 11 suspeitos que já foram formalmente acusados pela morte de Khashoggi.

Um primeiro relatório do trio de investigadores, de que faz parte o português Duarte Nuno Vieira, especialista em ciências forenses, deverá ser apresentado em junho próximo.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Jose Martins
    07 fev, 2019 Parede 23:41
    Gosto

Destaques V+