Tempo
|
A+ / A-

Conselho Europeu a 25 de novembro para formalizar acordo de Brexit

15 nov, 2018 - 08:17

Donald Tusk diz que negociações visaram sobretudo fazer um “controlo de danos” numa situação em que todos perdem.

A+ / A-

O presidente do Conselho Europeu anunciou que prevê convocar uma cimeira extraordinária de líderes da União Europeia a 27 para dia 25 de novembro, para “finalizar e formalizar o acordo de Brexit” com o Reino Unido.

Numa declaração conjunta à imprensa com o negociador-chefe da UE para o Brexit, Michel Barnier, de quem recebeu o volumoso texto do acordo técnico alcançado esta semana com Londres, Donald Tusk disse não partilhar “o entusiasmo da primeira-ministra” britânica, Theresa May, quanto ao Brexit, reiterando que as negociações visaram sobretudo fazer um “controlo de danos” numa situação em que todos perdem, mas considerou o acordo justo e confirmou que vai desencadear os procedimentos necessários para a sua conclusão.

Tusk explicou então como é que o processo vai prosseguir nos próximos dias, apontando que, “se nada de extraordinário acontecer”, haverá uma reunião do Conselho Europeu em 25 de novembro, um domingo, em Bruxelas, “para finalizar e formalizar o acordo de Brexit”.

A primeira-ministra britânica anunciou na quarta-feira que o Governo aprovou o seu princípio de acordo sobre o Brexit.

Esta quinta-feira, May vai ao Parlamento comunicar os termos da solução encontrada. Mas este acordo já provocou uma a saída do secretário de Estado para a Irlanda do Norte.

A saída do Reino Unido da União Europeia está marcada para as 23h00 de 29 de março de 2019. Há depois um período de transição que vai estar em vigor até 31 de dezembro de 2020.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+