Tempo
|
A+ / A-

Egipto "não vai poupar esforços" para punir assassinos de cristãos coptas

28 fev, 2017 - 00:58

O esclarecimento surge através de uma nota enviada à Renascença pela embaixada egípcia em Lisboa, na sequência de notícias a dar conta do assassinato de sete cristãos coptas em ataques de inspiração jihadista.

A+ / A-

Veja também:


O Governo do Egipto garante que não vai poupar esforços para punir os autores da vaga de homicídios contra os cristãos coptas na região do Sinai.

O esclarecimento surge através de uma nota enviada à Renascença pela embaixada egípcia em Lisboa, na sequência de notícias a dar conta do assassinato de sete cristãos coptas em ataques de inspiração jihadista.

A embaixada do Egipto sublinha que estes actos visam não apenas a minoria copta, mas todo o povo egípcio, numa tentativa de lançar um clima de divisão no país.

A recente vaga de homicídios está a alarmar os cristãos coptas que vivem na região do Sinai, no Norte do Egipto, levando milhares de pessoas a fugir das suas casas.

Um homem e a sua filha foram brutalmente assassinados ontem na vila de al-Arish, tornando-se a sexta e sétima vítimas mortais nas últimas semanas.

Este ataque não foi reivindicado mas assassinatos anteriores foram da autoria do Estado Islâmico na Península do Sinai, uma região do Egipto onde existe muita actividade jihadista.

Dos sete cristãos assassinados, alguns foram mortos a tiro em casa, outros nos seus locais de trabalho ou na rua e em pelo menos um caso o filho de uma das vítimas foi queimado vivo pelos homicidas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Joaquim Santos
    28 fev, 2017 Tojal 10:32
    Interessante, para se saber a verdade é a embaixada a comunica-lo aos meus de informação. Claro, estas verdades contra Cristãos são escondidas no Ocidente, e a RENASCENÇA não está inocente neste lamaçal. Quando a noticia visa Cristãos, ofensas do nosso governo contra a vida, a RENASCENÇA, apenas deixa estar no ar a noticia umas escassas horas. Espero que não seja com esta e com as seguintes.

Destaques V+