Tempo
|
A+ / A-

"Foi o pior telefonema". Conversa entre Trump e primeiro-ministro australiano acabou mal

02 fev, 2017 - 15:32

A conversa devia ter demorado uma hora, mas Donald Trump desligou o telefone ao fim de 25 minutos, relata o "The Washington Post".

A+ / A-
"Foi o pior telefonema". Conversa entre Trump e primeiro-ministro australiano acabou mal
"Foi o pior telefonema". Conversa entre Trump e primeiro-ministro australiano acabou mal

"O pior telefonema, até agora". Foi assim que o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, classificou a conversa com o primeiro-ministro da Austrália, Malcolm Turnbull.

O novo chefe de Estado norte-americano e Malcolm Turnbull falaram no sábado e, revela agora o jornal "The Washington Post", o telefonema foi tenso e terminou abruptamente.

A conversa devia ter demorado uma hora, mas Donald Trump desligou o telefone ao fim de 25 minutos, relata o "The Washington Post".

O primeiro-ministro australiano disse que a chamada telefónica tinha sido “franca e sincera”, mas Trump descreveu-a como "a pior" que teve desde que chegou à Casa Branca, no dia 20 de Janeiro.

O telefonema decorreu um dia depois de o Presidente norte-americano ter assinado a polémica proibição temporária de entrada de refugiados no país.

Durante a administração Obama, os Estados Unidos e a Austrália tinham assinado um acordo para o acolhimento de refugiados. Os Estados Unidos comprometeram-se a receber 1250 pessoas que tentaram imigrar ilegalmente para a Austrália e estão retidas em centros de detenção nas ilhas de Manus (Papua Nova Guiné) e Nauru.

Em troca, a Austrália aceitou receber um número equivalente de refugiados vindos de El Salvador, Guatemala e Honduras.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+