Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Trump nomeia conservador Neil Gorsuch para o Supremo Tribunal

01 fev, 2017 - 01:19

Juiz é contra a eutanásia e o aborto, e um defensor da liberdade religiosa. O nome ainda tem que ser aprovado pelo Senado.

A+ / A-

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nomeou esta terça-feira o conservador Neil Gorsuch para o cargo de juiz do Supremo Tribunal, instância que zela pelo cumprimento da Constituição do país.

Natural do Colorado, Neil Gorsuch tem 49 anos e trabalhava desde 2006 no Tribunal de Recurso em Denver, no mesmo estado.

É o juiz mais novo a ser indicado para o Supremo no último quarto de século, desde que o Presidente Bush pai escolheu, em 1991, o conservador Clarence Thomas, que na altura tinha 43 anos.

Neil Gorsuch estudou em Harvard, é casado e tem duas filhas. É contra a eutanásia e o aborto, e um defensor da liberdade religiosa.

Vai substituir o juiz Antonin Scalia, que morreu em Fevereiro de 2016.

A entrada de Neil Gorsuch vai equilibrar as forças entre conservadores e liberais no Supremo Tribunal.

O nome de Neil Gorsuch para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos ainda terá que ser aprovado pelo Senado. Donald Trump apelou esta terça-feira ao consenso em torno do novo juiz.

“O juiz Gorsuch tem excelentes conhecimentos legais, uma mente brilhante, uma disciplina tremenda e tem apoio bipartidário”, salientou o Presidente.

Quando o então Presidente George W. Bush o nomeou para o Tribunal de Apelos, nenhum senador votou contra Neil Gorsuch. Mas isso foi há 11 anos e os Estados Unidos estão agora mais divididos e o clima política é de conflito latente.

O ex-Presidente Barack Obama tentou nomear um juiz em Março do ano passado, mas o nome de Merrick Garland não passou no Senado controlado pelo Partido Republicano.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+