Tempo
|
A+ / A-

Estado Islâmico ataca mesquita no Iémen. Há dezenas de vítimas

02 set, 2015 - 20:53

A primeira explosão foi provocada por um bombista suicida. Seguiu-se o rebentamento de uma viatura armadilhada no exterior do templo.

A+ / A-

Pelo menos 28 pessoas morreram e 75 ficaram feridas num duplo atentado contra uma mesquita em Sanaa, a capital do Iémen.

O ataque contra o templo de al-Mo`ayyad, dirigida pela etnia houthi, já foi reivindicado pelo ramo do autoproclamado Estado Islâmico naquele país da península arábica.

A primeira explosão foi provocada por um bombista suicida e foi seguida pelo rebentamento de uma viatura armadilhada no exterior da mesquita, que vitimou elementos das equipas de socorro.

Noutro ataque registado esta quarta-feira, dois funcionários da Cruz Vermelha foram mortos a tiro, no Norte do Iémen.

O Iémen está em guerra civil. O conflito escalou em Março, com uma intervenção militar de uma coligação de Estados árabes, liderada pela Arábia Saudita.

A coligação tem bombardeado posições dos rebeldes houthis, que são apoiados pelo regime iraniano.

Os houthis conquistaram Sanaa há cerca de um ano. O conflito já provocou a morte a mais de 4.500 pessoas.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+