Siga-nos no Whatsapp
A+ / A-

Estoril

Abatimento no centro da bancada despertou alarme

15 jan, 2018 - 23:08

O Estoril, através de comunicado, informa que a interrupção do jogo com o FC Porto se justificou por razões de segurança.

A+ / A-

Um abatimento no centro da bancada Norte do Estádio António Coimbra da Mota esteve na base do "alarme que levou as autoridades a evacuar em segurança toda a bancada em causa". A justificação pode ler-se no comunicado emitido pela SAD do Estoril.

O jogo com o FC Porto foi interrompido ao intervalo e não recomeçou, devido a problemas estruturais na bancada onde estavam cerca de dois mil adeptos portistas. "Depois de reunidas as entidades do Estoril Praia, FC Porto, Liga Portugal e forças de segurança, entendeu-se não estarem reunidas as condições de segurança para que o jogo prossiga", acrescentam os responsáveis do Estoril.

A SAD canarinha informa, ainda, que "a seu tempo os adeptos que se deslocaram para assistir ao jogo serão informados sobre como deverão ser ressarcidos pelos ingressos que adquiriram".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+