Tempo
|
A+ / A-

Primeira Liga

Jorge Simão faz as malas e vai para Braga

15 dez, 2016 - 18:53 • Pedro Azevedo

Treinador do Desportivo de Chaves é a escolha de António Salvador para a sucessão de José Peseiro. Jorge Simão ainda orienta os flavienses no Dragão e ruma depois à capital do Minho.

A+ / A-

Jorge Simão vai ser o próximo treinador do Sporting de Braga. Bola Branca está em condições de avançar que a escolha do presidente do Sporting de Braga, António Salvador, para a sucessão de José Peseiro, está feita.

A opção passa pelo actual técnico do Desportivo de Chaves, com quem Salvador já alcançou um acordo total e cuja oficialização será tornada pública assim que a rescisão com Peseiro seja acertada.

Jorge Simão, de 40 anos, treinou Atlético, Mafra, Belenenses e Paços de Ferreira, antes de ingressar nos flavienses, no último Verão.

Ao que a Bola Branca apurou, igualmente, Jorge Simão ainda orientará o Desportivo de Chaves, no Dragão, frente ao FC Porto, na próxima segunda-feira, assumindo logo depois o comando técnico do Sporting de Braga.

Domingo, em Alvalade, frente ao Sporting, os arsenalistas serão orientados por Abel Ferreira, actual treinador da equipa "B".

Jorge Simão deixa legado em Chaves

O Desportivo de Chaves está a realizar uma época sensacional a todos os níveis, em ano de regresso ao principal escalão do futebol português.

Os flavienses são sétimos classificados da Primeira Liga, encontrando-se a cinco pontos da zona de acesso às competições europeias. Com 19 pontos ao cabo de 13 jornadas, o principal objectivo dos transmontanos está praticamente encaminhado: a permanência.

Na Taça de Portugal, o Chaves apurou-se quarta-feira para os quartos-de-final. Na Taça da Liga, a equipa "caiu" na segunda fase.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • RDVM
    16 dez, 2016 Braga 09:31
    Comentários hipócritas ! Qual o trabalhador que não troca de empresa (mesmo gostando muito dela) para não só ganhar mais como subir profissionalmente ? E mais, no contrato existe essa clausula e foi assinado por ambas as partes !!!!!!!!!!!!!!!!!!!
  • Bernardino
    16 dez, 2016 CHAVES 00:24
    O dinheiro, o prestígio de orientação de um clube do topo sempre a falar mais alto... Quem tem hoje, particularmente no mundo do futebol e do desporto profissional em geral, esses princípios de ética, amor e dedicação a um clube a um objectivo a um fim antes prometido? Tudo muda muito rápido em função dos interesses pessoais de cada um! Por isso, cada vez mais estou distanciado deste mundo de hipocrisia e de falta de valores.
  • barroso jose
    15 dez, 2016 chaves 20:29
    é triste o futebol assim trocam a camisa antes de cumprirem as promessas o dinheiro apodreçe a humanidade
  • Alberto Dias
    15 dez, 2016 Lisboa 20:29
    E pronto, lá se vai o Chaves, já andava a incomodar muita gente! E logo antes do jogo com o porto, coincidências?...
  • Luis Rodrigues
    15 dez, 2016 Sintra 20:26
    Sabem o quer dizer contrato?
  • joao das neves
    15 dez, 2016 Londres 19:47
    Este está com medo do meu Sporting, tem medo de levar na pá, o meu sporting, ganha quer seja ao treinador b quer ao A, ahahahhaah
  • jose Guilherme
    15 dez, 2016 lisboa 19:04
    Mais um para "QUEIMAR " no forno do saloio do Salvador !!!!

Destaques V+