Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

​Stiglitz contra subida dos juros “até o paciente morrer, até entrarmos em recessão”

26 set, 2022 - 16:26 • Sandra Afonso

Nobel da Economia avisa que o mundo pode enfrentar uma recessão grave e uma inflação elevada, ao mesmo tempo.

A+ / A-

Aumentar os juros só vai provocar uma recessão ainda pior. O alerta foi deixado esta segunda-feira pelo Prémio Nobel da Economia, Joseph Stiglitz, num seminário em Viena.

O economista lembra que a reação natural dos bancos centrais, para combater a inflação, é subir as taxas de juro, mas no atual contexto só vão matar o paciente.

“Eles vão subir as taxas de juro até controlarem os preços, mas a inflação não será controlada, não irá afetar o fornecimento de petróleo, de gás, da alimentação, etc…”, afirma Joseph Stiglitz.

“O que fazem então? Sobem ainda mais os juros, até o paciente morrer, até entrarmos em recessão”, argumenta o Nobel da Economia.

Joseph Stiglitz avisa que o mundo pode enfrentar uma recessão grave e uma inflação elevada, ao mesmo tempo.

As previsões estão afetadas por imensos riscos, como a evolução da guerra na Ucrânia, o inverno na Europa e a pandemia, e como vai afetar a China.

Os alertas de Joseph Stiglitz foram deixados no seminário “Os desafios de Inverno da Europa: energia, economia e política”, em Viena.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+