Tempo
|
A+ / A-

UE vai proibir venda de carros a gasóleo e gasolina a partir de 2035

11 mai, 2022 - 21:39 • Redação

Foi reduzida em cinco anos a meta anteriormente colocada para o fim da comercialização de veículos movidos a partir de combustíveis fósseis.

A+ / A-

A Comissão do Meio Ambiente do Parlamento Europeu aprovou esta quarta-feira a proibição da venda de carros novos que emitem gases poluentes nos países membros da União Europeia a partir de 2035.

Isto significa reduzir o que anteriormente estava previsto em cinco anos. Antes a UE havia determinado o fim da venda de carros movidos a gasóleo e gasolina em 2040.

O resultado da votação deve ser ratificado pelo plenário do Parlamento Europeu, onde as decisões tomadas pelos deputados que participam na Comissão não costumam ser alteradas.

Na votação, também foi tomada a decisão de banir os carros novos que funcionam com e-fuels (combustíveis sintéticos que não são derivados do petróleo) como pretendiam marcas de supercarros como a Porsche, que está investindo nesse tipo de combustível para que os clientes de veículos clássicos possam continuar a circular com eles.

Outra das novidades introduzidas é que os objetivos de redução de emissões que foram estabelecidos em 15% face a 2021, serão reduzidos em 20% para os automóveis de passageiros em 2025, enquanto para as carrinhas e comerciais ligeiros continua a ser de 15%. Os limites de emissão para carros destinadis a atividades turísticas são a partir de 2021 em 95 g/km de CO2 e em 147 g/km de CO2 para carrinhas.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+