A+ / A-

Nuno Gomes deixa o Benfica

14 set, 2017 - 15:17

O antigo jogador das águias foi substituído como director da formação encarnada e, segundo o "Diário de Notícias", recusou os cargos que lhe foram propostos como substituição.
A+ / A-

Nuno Gomes deixou de fazer parte dos quadros dirigentes do Benfica, avança o "Diário de Notícias", esta quinta-feira.

Segundo fonte oficial do clube ao "DN", o antigo jogador encarnado considerou que a sua posição no clube da Luz estava esvaziada, após ter sido substituído, como director da formação, por Pedro Mil-Homens. O presidente das águias, Luís Filipe Vieira, pretendia que Nuno Gomes continuasse no clube, como braço-direito de Mil-Homens ou director das relações internacionais, cargo que chegou a desempenhar.

No entanto, o antigo internacional português rejeitou as duas propostas, ainda segundo o "Diário de Notícias", por entender que não são dignas para quem antes tinha mais altas responsabilidades.

A saída de Nuno Gomes tem efeito imediato, já que o antigo avançado considerou que não havia condições para assegurar a transição no cardo de director da formação para Mil-Homens até ao final do ano, conforme lhe fora proposto.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • José
    14 set, 2017 Lisboa 21:59
    Os jornaleiros ja sabem que nao se pode criticar, oque se passa no clube mais democrático do Pais.....
  • José Armando
    14 set, 2017 Leiria 21:40
    Ora, sr. Manuel, isto só prova que no Benfica existem pessoas com noção do que é dignidade. Depois, comparar a personalidade pública que é Nuno Gomes com o Mil-Homens, francamente. O Nuno não precisa do tacho para colocar comida na mesa. o LFV sempre teve atração danada para infiltrar o Benfica com agentes-duplos e depois há e-mails e outras tretas. Desta vez devem ser umas dezenas de infiltrados, uma sexta-coluna. LFV está a tornar-se arrogante, rodeado de uma corte de aduladores, vamos ver na trapalhada que vai dar., geralmente dá mau resultado. Ainda por cima, não sei quem é, quais as evidentes qualificações demonstradas pelo dr.Mil-Homens ao nível da formação e como dirigente/instituidor do polo universitário, há melhor no Benfica, seguramente.
  • Manuel
    14 set, 2017 Moura 16:28
    Sr.Rolando eu até acredito que isto seja a gestão normal do Clube e acontece em vários, entram uns e saiem outros, o que eu critico é que em casos idênticos que se passaram no Sporting o tratamento dado pela imprensa foi totalmente diferente, por exemplo quando o Dr. Pedro Mil homens foi substituído no Sporting o Dr. BC foi bastante massacrado pela imprensa, agora quero ver se o Sr.LFV vai ter tratamento igual. Portanto a minha critica vai para a imprensa e não para o que se passa no Benfica.
  • 14 set, 2017 palmela 16:03
    E assim mesmo nuno gomes nao baixes as calcas! Nao conheco o mil homens de lado nenhum nem sei se ele e preto ou branco!
  • Rolando da Silva Var
    14 set, 2017 Caniço 15:45
    Sr. Manuel... e não se passou nada mesmo!!!
  • Manuel
    14 set, 2017 Moura 15:40
    Se isto acontecesse no Sporting a imprensa não se cansava de dizer : O BC só faz coisas destas etc,etc, etc, mas como é no Benfica não se "passou-se " nada.