Tempo
|
A+ / A-

Exército iraquiano reconquista complexo governamental de Ramadi

27 dez, 2015 - 15:37

Extremistas do autoproclamado Estado Islâmico tinham ocupado a cidade em Maio deste ano.

A+ / A-

Veja também:


Todos os combatentes do autoproclamado Estado Islâmico (EI) retiraram este domingo do complexo governamental estratégico em Ramadi, retomado pelas forças iraquianas, anunciou um porta-voz das forças de elite antiterroristas do Iraque.

"Todos os combatentes do Daesh (acrónimo árabe do EI) partiram. Não há qualquer resistência", disse à agência France Presse o porta-voz do exército especial iraquiano, Sabah al Numan.

Segundo o porta-voz, toda a zona irá agora ser vistoriada para a limpar de eventuais minas ou explosivos deixados pelo EI antes da entrada das tropas iraquianas.

A cidade de Ramadi, a cerca de 100 quilómetros de Bagdad, foi ocupada pelos terroristas do autoproclamado Estado Islâmico em Maio deste ano.

A reconquista de Ramadi é uma das maiores vitória das forças armadas iraquianas na guerra contra os “jihadistas”, que controlam um terço do país.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+