Tempo
|
A+ / A-

Comunidade Islâmica condena atentados em França

14 nov, 2015 - 20:48

Sheik David Munir lembra que “Islão significa Paz".

A+ / A-

O imã da Mesquita Central de Lisboa, Sheik David Munir, condenou os ataques terroristas de sexta-feira em Paris.

"Ficámos chocados e tristes, como qualquer pessoa de bom senso. O mais chocante para um muçulmano é que quem fez aquilo seja também muçulmano, porque Islão significa Paz", afirmou o Sheik David Munir, dentro da mesquita, no final da oração das 19h00.

O procurador de Paris, François Molins, fez um novo balanço e confirmou a existência de 129 mortos, 352 feridos, 99 deles em estado grave.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • António Costa
    15 nov, 2015 Cacém 02:23
    O Sr. Sheik David Munir, como pessoa de bem que é, ficou obviamente chocado com toda esta situação. Se o Islão significa Paz, desculpe que lhe diga, mas disfarça muito bem.....O que Sempre ouvi até hoje foi de "Total Submissão a Deus".
  • tugatento
    14 nov, 2015 amarante 22:31
    Lágrimas de crocodilio, o Islão só tem espalhado morte, terror e barbárie por todo o Mundo.
  • B.V.
    14 nov, 2015 Lisboa 21:41
    Nem todos os muculmanos apoiam o terrorismo, isso e' obvio. Mas a etimologia da palavra "Islão" tem sido sistematicamente aldrabada por muita gente: Islão não significa Paz, significa submissão.

Destaques V+