Tempo
|
A+ / A-

Igreja de Santo António candidata ao orçamento participativo de Lisboa

09 nov, 2015 - 17:05 • Ana Lisboa

O edifício precisa de obras de beneficiação no largo onde se situa, incluindo um novo queimador de velas.

A+ / A-

A igreja de Santo António está a votação no próximo orçamento participativo da Autarquia de Lisboa.

Situada junto à Sé, a igreja precisa de obras de beneficiação no Largo de Santo António onde se localiza, incluindo a instalação de um novo queimador de velas.

“O que pretendíamos que fosse feito era exactamente um estudo para requalificar aquele espaço”, refere o Frei Armindo Carvalho. O reitor desta Igreja considera necessário ser feito “um queimador de velas novo, talvez com a estátua no centro, se calhar até com um lagozinho à volta, colocando a imagem um pouco mais próximo da Igreja e deixando o Largo um bocadinho melhor no seu pavimento”, explica.

O orçamento ronda os 150 mil euros, e para que esta obra se concretize, é preciso que as pessoas votem. Para o fazer é muito simples, basta enviar um SMS gratuito para 43 10, com a mensagem 109, que é o número do projecto.

Pode ainda votar online, através do site www.lisboaparticipa.pt, mas só até domingo, dia 15.

A Igreja de Santo António recebe anualmente mais de meio milhão de visitantes, provenientes de todo o mundo.

Frei Armindo admite que “este ano temos notado um certo aumento, sobretudo de peregrinos que vêm do Brasil, Itália, Espanha, Índia, América Latina, África”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+