|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Ranking das escolas 2019

Coimbra tem a melhor escola pública no secundário. Qual o segredo do sucesso?

27 jun, 2020 - 00:00 • Fátima Casanova

Pelo segundo ano consecutivo a secundária Infanta D. Maria ganha o título de melhor escola pública. Estabilidade do corpo docente e alunos com objetivos ajudam a conseguir boas notas nos exames.

A+ / A-

Veja também:


O primeiro lugar no ranking das escolas públicas 2019, divulgado este sábado, não é uma surpresa para a diretora da secundária Infanta D. Maria, em Coimbra.

Cristina Ferrão admite, à Renascença, já estar habituada a ver o estabelecimento de ensino ocupar os lugares cimeiros da tabela. Com boa disposição, diz que o “surpreendente é que os alunos consigam manter o ranking”, porque muitos alunos fazem o 3.º ciclo do ensino básico noutras escolas.

A professora explica que, por ano, a escola tem quatro ou cinco turmas no 3.º ciclo e depois, no secundário, o número de turmas sobe quase para o dobro, “portanto há muitos alunos que vêm de fora”.

O segredo do sucesso

A diretora da Escola Secundária Infanta D. Maria confessa que não há segredos para o sucesso, que atribui, em primeiro lugar, aos alunos “com bastantes objetivos”. Cristina Ferrão sublinha que “perceber o que se quer é importante nos dias que correm”.

O bom desempenho escolar acontece, também, porque “uma grande parte dos alunos tem um ambiente familiar socioeconómico e cultural muito favorecido”, com “pais que a nível de formação académica estão acima da média, que os podem ajudar”.

Dispõem também de “um conjunto de meios para poderem colmatar as dúvidas dos filhos”, o que nesta fase de ensino à distância foi uma vantagem. Por isso, Cristina Ferrão não receia os exames nacionais, que aí vêm.

Outra vantagem sublinhada pela diretora é que, na Infanta D. Maria, há “um conjunto de professores que pertence aos quadros há muitos anos e existe continuidade pedagógica”. Fatores a que se associa o apoio, com aulas extra, que é “dado aos alunos quando é sentida alguma fragilidade”.

Nesta escola, os alunos também são chamados a participar num conjunto de Olimpíadas, nomeadamente de Matemática, Física, Informática e Química, e “isto é também uma mais valia para os seus conhecimentos”, porque os jovens vão “adquirindo um conhecimento intrínseco, que “não é só exclusivamente de conteúdos programáticos relacionados com as disciplinas”.

A Escola Secundária Infanta D. Maria é a primeira pública que aparece no Ranking das Escolas 2019, revelado este sábado. Apesar de ter melhorado a média nos oito exames mais concorridos, de 12,55 para 12,76 valores, caiu do 27.º, para o 34.º lugar da tabela, que é liderada pelo Colégio Nossa Senhora do Rosário, no Porto, pelo sexto ano consecutivo.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.