A+ / A-

PJ detém português suspeito de apoiar o Estado Islâmico

17 jun, 2019 - 19:40 • Redação

O alegado jihadista estava radicado no Reino Unido e fica a aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva.
A+ / A-

Veja também:


A Polícia Judiciária (PJ) anuncia a detenção de um português suspeito de apoiar os terroristas do autoproclamado Estado Islâmico.

O alegado jihadista estava radicado no Reino Unido há vários anos e foi capturado numa ação policial realizada na madrugada de domingo, "efetuando-se em conformidade uma busca domiciliária à residência onde o mesmo se encontrava", avança a PJ, em comunicado.

A partir de território britânico, o suspeito "desenvolveu diversas atividades em prol do estado islâmico, nomeadamente como apoio e facilitador ao movimento de outros nacionais para os territórios do Iraque e do norte da Síria".

A Judiciária adianta que "a investigação, que ainda prossegue, circunscreve-se essencialmente aos residentes em território nacional dada a relevância processual penal em termos de competências, sendo os casos dos outros nacionais da diáspora tratados diferentemente e em sede própria".

O arguido foi presente para interrogatório judicial esta segunda-feira, "tendo sido decretada a medida de coação de prisão preventiva".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.