A+ / A-

Nesta caderneta, os cromos são santos

11 jun, 2019 - 14:40 • Ana Lisboa

Coleção é dirigida a crianças dos 8 aos 10 anos, mas está a entusiasmar também os mais velhos.
A+ / A-

A Caderneta dos Santos é uma maneira divertida de conhecer a vida dos santos. O conceito surgiu depois de o autor ter percebido - numa conversa com o afilhado que estava a fazer uma coleção de dragões - a importância deste tipo de coleções que, a brincar, ajudam a aprender.

Apesar de “já não vivermos propriamente na Era das Cadernetas, ainda vamos vendo uma ou outra sobretudo de futebol”, sublinha Tiago Rodrigues, que acrescenta: “mesmo nos momentos mais prósperos das cadernetas de cromos, nunca encontrei nenhuma de santos. E isto até pode ser uma ferramenta lúdica e didática nas catequeses para ajudar a formar os mais novos”.

Assim, pôs mãos à obra e o projeto surgiu no final do ano passado.

Ao fazerem a coleção da Caderneta dos Santos, as crianças “não só olham para as imagens para perceber como eles eram”, mas podem ainda “ler a nota biográfica e perceberem um bocadinho sobre a sua vida”.

A Caderneta dos Santos é composta por 80 cromos. O critério de escolha “foi pegar naqueles que são de maior devoção popular, pela sua importância na Igreja, pela devoção local. Há até uma página dedicada aos santos de Portugal. E, portanto, nós tentámos recolher os mais importantes, os de maior devoção e tentámos agrupá-los em temas para que a caderneta pudesse ter uma consistência lógica. Ficámos com pena de não poder introduzir mais, mas achámos que aqui estão reunidos aqueles que pelo menos são mais conhecidos. No final da caderneta, há uma pequena nota biográfica sobre a vida de cada um desses santos”.

Quem faz a coleção da Caderneta dos Santos

Esta coleção é feita por miúdos e graúdos. Quando foi idealizada por Tiago Rodrigues, foi definido que seria para crianças entre os 8 e os 10 anos.

Mas o que se verifica é que “é transversal a todas as idades. Eu tenho amigos da minha idade (e eu tenho 35 anos), que fazem a coleção. E, inclusive, sei que em algumas paróquias com Centros de Dia para os mais idosos, têm comprado também esta caderneta e feito a coleção. O que é muito curioso”, admite.

Outro dado digno de relevo é que “há uma pequena parte de pessoas, que nada têm a ver com religião, são laicas, mas que acabam por fazer a coleção por uma questão cultural, por quererem saber um bocadinho mais sobre a vida destes santos”.

Até agora já foram vendidas cerca de 3 mil Cadernetas dos Santos. Cada uma custa 5 euros e traz uma oferta de uma saqueta de cromos. Por sua vez, cada saqueta custa 1 euro e traz 5 cromos.

Pode ser comprada nas Livrarias Paulus ou nas Livrarias dos Salesianos. Mas “os pontos principais são as paróquias que comercializam como apoio à catequese”. Também pode ser adquirida em alguns colégios religiosos.

Recentemente foi enviada uma caderneta destas ao Papa Francisco através da Nunciatura Apostólica em Lisboa.


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.