|
A+ / A-

Seleção A

Cristiano Ronaldo "é um exemplo" para as novas gerações

10 jun, 2019 - 18:15 • João Fonseca

Mescla de experiência e juventude, renovação, sucessores e o exemplo chamado CR7. João Tralhão assegura que os clubes portugueses estão a formar mais gerações talentosas.

A+ / A-

A seleção nacional tem o futuro garantido, com Cristiano Ronaldo ao leme da nova geração, a servir de exemplo para os talentos que chegam à equipa. Opinião de João Tralhão, técnico que orientou, na formação do Benfica, a maior parte dos jovens que estão agora a despontar.

"Todos os jovens que têm a oportunidade de ver o Cristiano Ronaldo a jogar já têm ali um exemplo, então imaginem o que é treinar, jogar e partilhar o balneário com ele. É um valor incalculável. Só estes jovens podem ter esse privilégio de conviver com uma figura tão grande, mas mais que uma figura é o exemplo que passa diariamente", afirma o treinador, em declarações a Bola Branca.

Renovação do talento

Bernardo Silva, Gonçalo Guedes, Rúben Neves, Rúben Dias e João Félix são nomes de um geração que garante a continuidade de um Portugal capaz de ombrear com os melhores nas principais competições.

Palavra de João Tralhão, para quem a conquista da Liga das Nações vem, ainda, demonstrar que o futuro e a renovação é uma certeza, pois, como detalha, Portugal tem "jogadores com nível superior ou que pelo menos conseguem bater-se com os melhores jogadores internacionais".

Batuta para Bernardo

O treinador explica que a mentalidade transportada pelos mais experientes para os mais novos tem sido determinante na afirmação destes no seio da seleção. João Tralhão acredita que Bernardo Silva pode, até, substituir Cristiano Ronaldo, num futuro próximo, como maior figura do futebol português.

O sonho de ver outro nome português como melhor do mundo não é miragem, pois o avançado do Manchester City "pode um dia estar a lutar por um desses lugares". Tralhão defende que Bernardo será "sem dúvida uma das referências do futebol português e internacional".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.