A+ / A-

Peseiro diz ter sido maltratado no Sporting

03 jun, 2019 - 14:03 • Redação

Treinador deixou o clube após a eleição de Frederico Varandas, na sucessão de uma derrota contra o Estoril, na Taça da Liga.
A+ / A-

José Peseiro admite que foi maltratado no Sporting por duas ocasiões. Em declarações na Conferência Bola Branca, o técnico diz que o Sporting é o clube que, atualmente, menos contribuiu para o ambiente tóxico do futebol português, apesar do tratamento que recebeu.

"Tenho razões de queixas do Sporting, pela forma como fui tratado por duas vezes, mas o Sporting é o clube que menos contribui para este ambiente. Exceto quando estava lá o Bruno de Carvalho", disse.

Peseiro foi o escolhido de Sousa Cintra para treinar o Sporting, na transição entre a saída de Bruno Carvalho e a eleição de um novo presidente. Pouco depois da entrada de Frederico Varandas, e na sucessão de uma derrota, em casa, contra o Estoril, na Taça da Liga, Peseiro foi despedido.

Esta foi a segunda passagem do experiente treinador pelo Sporting, clube que representou em 2004/05 e um breve período em 2005/06.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.