A+ / A-

Eleições na Índia. Primeiro-ministro reforça maioria no parlamento

24 mai, 2019 - 01:36

Narendra Modi definiu os resultados das eleições gerais como uma vitória da democracia.
A+ / A-

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, é o grande vencedor das eleições naquela que é considerada a maior democracia do mundo, com 900 milhões de eleitores.

O partido Janata, de Modi, está muito perto de garantir 303 dos 542 lugares no Parlamento. Nas eleições de 2014 tinha conseguido 282 deputados.

O primeiro-ministro indiano definiu esta quinta-feira os resultados das eleições gerais como uma vitória da democracia.

"Nenhum indivíduo ou partido estava a lutar nas eleições, mas sim o povo da Índia que estava a lutar. Hoje o povo da Índia deu-me razão, e hoje se alguém ganhou foi a Índia. Se alguém ganhou, foi a democracia", indicou numa intervenção perante apoiantes do seu partido nacionalista hindu, em Nova Deli.

Modi assumiu que vai garantir a maioria para governar e acrescentou que os "sentimentos de uma Índia comum vão garantir um futuro brilhante".

Os resultados ainda provisórios anunciados ao início da tarde desta quinta-feira pela comissão eleitoral cimentavam a supremacia dos nacionalistas hindis na paisagem política e social do gigante asiático, ao fornecerem ao partido Janata a vitória em 303 circunscrições e a maioria dos 542 lugares na câmara baixa do parlamento.

Nos próximos cinco anos, o hemiciclo da Lok Sabha deverá garantir uma esmagadora maioria açafrão, a cor dos nacionalistas hindus, uma situação pouco habitual na história política do país, habituado a amplas coligações.

Principal força da oposição, o Congresso apenas deveria obter maioria em 50 regiões, um duro revés para este partido decisivo na política indiana desde a independência em 1947.

O primeiro-ministro português, António Costa, felicitou o seu homólogo indiano pela vitória nas eleições gerais, apontando que as relações de amizade e cooperação entre os dois países podem elevar-se.

"Os meus sentidos parabéns ao primeiro-ministro @narendramodi pela grande vitória eleitoral. Juntos, asseguraremos que as relações entre #Portugal e a #India vão chegar a um novo nível de amizade e cooperação nos próximos anos", lê-se na página de António Costa na rede social Twitter.

O primeiro-ministro do Paquistão também congratulou publicamente Narendra Modi, através das redes sociais. Imran Khan quer trabalhar com o governante indiano em prol “da paz, progresso e prosperidade” da região.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.