A+ / A-

Greve dias 20 e 21. CP alerta para perturbações na circulação

17 mai, 2019 - 08:38 • Redação com Lusa

Tribunal Arbitral decidiu decretar serviços mínimos.
A+ / A-

Os revisores da CP vão entrar em greve na segunda e terça-feira. Esta paralisação vai ter serviços mínimos, mas a CP prevê perturbações já na noite do próximo domingo.

Os clientes que já tenham bilhetes adquiridos para viajar em comboios dos serviços Alfa Pendular, Intercidades, InterRegional, Regional e Celta, vai ser permitirá o reembolso no valor total do bilhete adquirido, ou a sua revalidação, sem custos. Estes pedidos devem ser apresentados nas bilheteiras ou em cp.pt até 10 dias após terminada a greve.

O Tribunal Arbitral decidiu decretar serviços mínimos, alegando que o direito à greve "tem que ser interpretado em harmonia com outros direitos fundamentais".

"O direito à greve, como direito fundamental, tem que ser interpretado em harmonia com outros direitos fundamentais, como o direito à circulação, o direito à saúde, o direito ao trabalho ou o direito à educação [...]. Uma greve suscetível de implicar um risco de paralisação do serviço de transportes deve ser acompanhada da definição dos serviços mínimos", defendeu, em comunicado, o Tribunal Arbitral.

O Sindicato Ferroviário da Revisão Comercial Itinerante (SFRCI) entregou um pré-aviso de greve para os dias 20 e 21 de maio que abrange os revisores, trabalhadores de bilheteiras e outros funcionários da CP. Em declarações à Lusa em 29 de abril, o presidente do SFRCI, Luís Bravo, disse que a paralisação nacional foi convocada para protestar contra o "incumprimento de dois acordos que o Governo fez com este sindicato, o primeiro em setembro de 2017, que visava recrutar 88 trabalhadores para a área comercial e que ainda não está concretizado".

A outra promessa que diz ter falhado é "a negociação do acordo coletivo de trabalho, que tem 20 anos, e que deveria ter sido finalizado até 30 de setembro". A greve abrange perto de mil trabalhadores, segundo o sindicato.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.