A+ / A-

​Livros na rua? Acontece em Évora

15 mai, 2019 - 10:57 • Rosário Silva

Musica, poesia, teatro e muita cavaqueira. Tudo à mesa com “Livros à Rua”, no Largo da Sé, em Évora, entre 17 e 26 de maio.
A+ / A-

De um lado a Catedral, do outro o Templo Romano e pelo meio o Centro de Arte e Cultura, o museu e a biblioteca da cidade. O irrepreensível cenário, no Largo Marquês de Marialva (Largo da Sé), em pleno coração da cidade, onde livreiros e livrarias de Évora vão estar a partir de sexta-feira.

A Câmara de Évora regressa com mais uma edição de “Livros à Rua”, complementada com uma programação cultural e literária diferenciada.

João Pedro Marques, João Tordo, José Fanha, Luis Pastor, Fernando Venâncio, José Pedro Castanheira e Feliciano de Mira são, entre outros, escritores que vão apresentar as suas obras no decorrer desta festa, aberta das 12h00 às 20h00, de segunda a sexta-feira e das 10h00 às 20h00, nos fins de semana.

“Uma maratona de leitura”, descreve o município eborense numa nota enviada à Renascença, com “oficinas de poesia e de ilustração, realizadas pela escola itinerante “Emocionário”, entre outras, promovidas pelo Arquivo Distrital de Évora”, para além de “sessões de contos, com contadores de histórias como os brasileiros Oswaldo Filipe e Clara Haddad e a portuguesa Elsa Serra.”

Dez dias de festa com espetáculos diários, às 18h00, num palco improvisado, paredes meias com a Sé e onde vai ser apresentada, logo no dia 17, a grande produção “Sorriso” do Teatro Só.

Mas há muito mais, por exemplo, referência para as atuações do “Projeto Bug”, do grupo “Al Fanfare”, “La Banda de Otro” ou, ainda, a atuação da formação teatral “Toca e Mexe”.

O “Livros à Rua” é também convite à participação ativa da comunidade que nos dias 25 e 26 vai poder interagir com o “Coletivo Somos”. O projeto de André Nunes e Pedro Santos, convida toda a população a integrar uma oficina de percussão, que encerra com o espetáculo “Sons do Papel”, no dia 26, às 18h00, e que se propõe explorar os sons dos livros e do papel.

As noites dos fins de semana vão oferecer um programa cultural, na Igreja de São Vicente. “Este espaço recebe, entre outros, artistas como o músico Eduardo Ramos, o cantor Cícero, o Duo Lundú, o grupo Grafonola Voadora & Napoleão Mira ou a pianista Patrizia Giliberti e o ator Manuel Coelho que interpretam um concerto poético”, lê-se na apresentação do evento.

Ao município associam-se, na promoção do “Livros à Rua”, a Biblioteca Pública de Évora, a Associação “É Neste País” e a Fundação Eugénio de Almeida.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.