Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Marcelo comenta caso Berardo. “O preço da importância é a responsabilidade”

13 mai, 2019 - 16:38 • Filipe d'Avillez

O chefe de Estado não referiu especificamente o empresário, mas deu como exemplo “personalidades condecoradas por mais que um Presidente”, a quem pediu mais decoro.

A+ / A-

O Presidente da República comentou esta segunda-feira o caso Berardo, recordando que quanto mais importantes são as pessoas, maior responsabilidade têm perante a sociedade e as instituições políticas.

À margem de um evento na Fundação Champalimaud, Marcelo Rebelo de Sousa conversou com os jornalistas e aceitou comentar “de forma geral” o caso de Joe Berardo, cuja participação na Comissão Parlamentar de Inquérito, sobre a Caixa Geral de Depósitos, na passada sexta-feira, foi muito criticada.

Segundo Marcelo Rebelo de Sousa, todos os portugueses têm responsabilidade, mas alguns têm-nas de forma acrescida. “Personalidades condecoradas por mais que um Presidente e que que tiveram um relevo indiscutível em momentos importantes de decisão, no quadro do sistema económico e financeiro português, tem maior responsabilidade.”

“Todos temos, uma responsabilidade perante a comunidade e perante as instituições, mas a responsabilidade é maior quanto maior o relevo de quem desempenhou ou desempenha posições de destaque na vida portuguesa, porque todos os outros olham com maior atenção”, disse.

Segundo Marcelo, estas pessoas têm de ter noção da sua responsabilidade “e têm de respeitar as instituições do poder político. Ter decoro.”

O Presidente parece achar naturais as críticas de que foi alvo Berardo, depois da sua prestação na Comissão de Inquérito. “Quando isso não acontece é evidente que o juízo dos concidadãos é muito negativo, porque sentem que alguém que foi considerado um exemplo, ao ponto de ser condecorado, de repente fica aquém daquilo que muitos exigem em termos de responsabilidade comunitária e institucional”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+