A+ / A-
Adi Hutter

Eintracht precisa "de uma noite perfeita" para eliminar o Benfica

17 abr, 2019 - 11:58 • Redação

Adi Hutter, treinador do emblema alemão, diz que o Benfica é "55% favorito", devido ao resultado conquistado no Estádio da Luz, na primeira mão dos quartos de final da Liga Europa.
A+ / A-

Adi Hutter, treinador do Eintracht Frankfurt, entrega um ténue favoritismo da eliminatória dos quartos de final ao Benfica, após a derrota por 4-2 na primeira mão, no Estádio da Luz, e diz que a sua equipa precisará de uma noite perfeita para carimbar presença nas meias-finais.

"Precisamos de um jogo perfeito contra uma das melhores equipas da europa. Acho que depois do primeiro jogo, o favorito é o Benfica. Mas jogamos em casa, e já fizemos aqui quatro golos contra a Lazio e Marselha este ano. Não sei se vamos conseguir amanhã, mas temos essa capacidade. Diria 55% de favoritismo para o Benfica e 45% para nós", começou por dizer, em conferência de imprensa.

O que é um jogo perfeito? Adi Hutter explica: "Seria não sofrer golos, controlar e marcar na altura certa. Queremos ter muitas oportunidades, mas ser muito cautelosos quando perdermos a bola, porque eles têm uma grande velocidade na frente".

Hutter diz que não ficou surpreendido com o poderio encarnado, porque tinha estudado o Benfica. Ainda assim, o técnico do Eintracht afirma que retirou as ilações da partida da primeira mão, um jogo em que a formação alemã ficou reduzida a dez unidades na primeira parte.

"O Benfica não me surpreendeu, porque vi em campo tudo o que conversamos sobre eles. O jogo mudou porque tivemos um expulso. Mesmo a jogar com dez, conseguimos jogar bem e fazer dois golos", rematou.

O Eintracht Frankfurt-Benfica arranca na quinta-feira, às 20h00. As águias entram em campo com uma vantagem de 4-2, conquistada na primeira mão dos quartos de final da Liga Europa, no Estádio da Luz. O jogo terá relato na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.