A+ / A-
Paris

Fogo na catedral de Notre Dame de Paris. "O pior foi evitado"

15 abr, 2019 - 18:12 • Redação

Dois terços da cobertura foram consumidos pelas chamas. Um bombeiro ficou em estado grave. Polícia já excluiu possibilidade de fogo posto. Procuradoria de Paris abre inquérito ao incidente.
A+ / A-

Veja também:


Os bombeiros de Paris estão a combater um fogo de grandes dimensões na catedral de Notre Dame, após um alerta de incêndio ao final da tarde desta segunda-feira.

O fogo terá deflagrado na cobertura do monumento. A procuradoria de Paris já abriu um inquérito ao incidente por suspeitas de "destruição involuntária". As autoridades afastaram, de imediato, a hipótese de atentado ou fogo posto.

Fonte oficial dos bombeiros de Paris, citada pela Reuters, disse perto das 22h (hora em Lisboa) que foi possível salvar a estrutura da catedral da "destruição total", bem como duas das torres do monumento. A mesma fonte confirmou que um bombeiro ficou ferido com gravidade durante o combate às chamas.

Pouco depois, o Presidente francês, Emmanuel Macron, garantiu em direto no local: "Dois terços da cobertura ficaram destruídos mas a fachada e a estrutura foram preservadas. O pior foi evitado."

Anunciando que vai lançar uma campanha internacional de recolha de fundos, prometeu ainda: "Vamos reconstruir Notre Dame juntos. É o que a nossa História merece."

Horas antes, o vice-ministro do Interior tinha avançado, citado pela AFP, que não era "certo" que o monumento resistisse ao fogo, uma indicação que foi repetida pelo corpo de bombeiros à mesma hora, citado pela mesma agência no Twitter.

As equipas de bombeiros mobilizadas no local dizem que todos os esforços foram rapidamente direcionados para o resgate das peças de arte dentro do monumento, isto depois de o porta-voz do departamento ter dito, por volta das 20h30, que a próxima hora e meia ia ser "crucial" para perceber se era possível controlar as chamas.

A informação chegou já depois de o porta-voz da catedral ter dito que todo o interior de madeira está a ser consumido pelas chamas. "Está tudo a arder. Nada vai restar da estrutura", chegou a admitir André Finot.

Horas antes, o emblemático pináculo da torre central ruiu, com a parte superior a sucumbir às chamas por volta das 19h, levando as autoridades a temer o pior. O momento foi captado por alguns cibernautas.

O momento em que a torre central da catedral de Notre Dame ruiu
O momento em que a torre central da catedral de Notre Dame ruiu

As primeiras notícias do fogo surgiram pelas 18h em Lisboa. Imagens partilhadas de imediato no Twitter mostravam um fogo de grandes dimensões a lavrar na catedral medieval.

O incêndio de Notre Dame visto pelas redes sociais
O incêndio de Notre Dame visto pelas redes sociais

Também no Twitter, a autarca de Paris começou por informar que toda a área estava a ser evacuada na sequência do incêndio.

"Um fogo terrível está a lavrar na Catedral de Notre Dame em Paris", escreveu Anne Hidalgo.

Face ao sucedido, o Presidente francês, Emnanuel Macron, cancelou uma comunicação ao país que tinha agendada para o final do dia de hoje, avançou fonte do palácio do Eliseu.

A catedral, construída no século XII, é famosa por figurar no clássico romance de Victor Hugo "O corcunda de Notre Dame", história eternizada para crianças pela mão da Disney, num filme com o mesmo título estreado em 1996.

O monumento atrai milhões de turistas por ano, sendo um dos mais populares de toda a Europa.

O incêndio ocorre num momento em que a catedral estava a ser alvo de renovações, com algumas das zonas do edifício rodeadas de andaimes. Na semana passada, foram inclusivamente retiradas 16 estátuas de bronze da fachada para avançar com as obras.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.