|
A+ / A-

Bairro da Jamaica. PSP abre processos disciplinares a dois agentes

29 mar, 2019 - 18:21 • Redação

Processos instaurados na sequência dos confrontos de 20 de janeiro entre polícia e moradores daquele bairro do Seixal.

A+ / A-

Veja também:


A PSP abriu processos disciplinares a dois agentes envolvidos nos incidentes no Bairro da Jamaica, no Seixal, avança o Ministério da Administração Interna.

O processo de inquérito iniciado após os confrontos de 20 de janeiro deste ano resultou agora em processos disciplinares.

"Desse processo resultou a instauração de dois processos disciplinares por despacho do Diretor Nacional da PSP, além da prorrogação da instrução do inquérito por 15 dias úteis com vista à realização de diligências complementares no âmbito do processo", refere o Ministério da Administração Interna, em comunicado.

Os confrontos de janeiro no Bairro da Jamaica, que foram filmados por moradores e divulgados nas redes sociais, resultaram em ferimentos ligeiros em cinco civis e um polícia.

Na altura, a direção nacional da PSP explicou, em comunicado, que a polícia foi chamada ao bairro por causa de uma desordem entre várias mulheres.

Quando tentavam identificar as pessoas envolvidas, os agentes foram atingidos por pedras arremessadas por moradores, "tendo causado ferimentos na boca de um dos polícias, o qual teve necessidade de receber tratamento hospitalar", referiu a PSP, num comunicado divulgado a 20 de janeiro.

Um homem suspeito de arremessar pedras à polícia foi detido na altura. Os vídeos divulgados nas redes sociais mostram agentes a agredir civis quando tentavam proceder à detenção.

Dias depois dos confrontos, foi realizada uma manifestação contra o racismo e a violência policial na Avenida da Liberdade, em Lisboa, que terminou em mais incidentes entre manifestantes e agentes.

A 4 de fevereiro, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, fez uma visita surpresa ao bairro da Jamaica, uma iniciativa que foi criticada pelos sindicatos de polícia.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.