A+ / A-

Standard & Poor’s sobe rating de Portugal

15 mar, 2019 - 21:47

O rating de Portugal está agora dois níveis acima do grau de investimento especulativo, com a agência de notação a passar a perspetiva de positiva para estável.
A+ / A-

A agência de notação financeira Standard & Poor’s (S&P) subiu esta sexta-feira o rating da dívida pública portuguesa de BBB-/A-3 para BBB/A-2.

O rating de Portugal está agora dois níveis acima do grau de investimento especulativo, com a S&P a passar a perspetiva de positiva para estável.

“Esta decisão reflete o reconhecimento de importantes transformações estruturais na economia nacional e da melhoria das contas públicas. Trata-se de uma decisão que contribui para reforçar a confiança dos investidores e a credibilidade externa de Portugal, com impacto direto nos custos de financiamento das famílias, das empresas e do Estado”, diz o Ministério das Finanças, em comunicado.

O gabinente do ministro Mário Centeno destaca que a "República Portuguesa se financiou esta semana com as taxas de juro mais baixas de sempre, num cenário de convergência com as taxas praticadas para a dívida pública de Espanha e de aumento do diferencial face a Itália".

Os resultados alcançados, sublinha o comunicado, "são de extrema importância dados os desafios que se antecipam para o futuro, num contexto de incerteza política e de deterioração do ambiente económico global".

"O Governo está comprometido em preservar este caminho, por considerar ser o melhor garante de crescimento sustentável, inclusivo e criador de emprego de qualidade", conclui o Ministério das Finanças.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.