A+ / A-

PJ faz diligências em várias instalações da ASAE

14 mar, 2019 - 10:47 • Celso Paiva Sol Redação com Lusa

Inquérito investiga "alegados favorecimentos praticados por pessoas com responsabilidades na ASAE".
A+ / A-

A Polícia Judiciária está a realizar diligências nas instalações da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) do Porto e de Barcelos, bem como na sede em Lisboa.

Ao que a Renascença apurou junto de fonte ligada à investigação, o objetivo é a recolha de elementos, após uma denúncia considerável credível sobre "alegados favorecimentos praticados por pessoas com responsabilidades na ASAE". Após a denúncia, foi aberto um inquérito. De acordo com a denúncia, os alegados favorecimentos terão ocorrido na zona norte do país.

Ainda de acordo com o que a Renascença apurou, não é expectável que, neste momento, sejam feitas detenções, nem haja lugar à constituição de arguidos, dado que a investigação está ainda numa fase inicial.

[notícia atualizada às 12h17]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Anonimo
    14 mar, 2019 Portugal 11:08
    Fazem muito bem e deviam descobrir tudo o que a ASAE de Barcelos "não faz" aos estabelecimentos que não declaram nada e são sempre protegidos por eles. Vejam os casos das casas de estética e cabeleireiros, declaram salário mínimo e recebem milhares por mês.